Gravando minhas telas em vídeo para tutoriais ou vídeo aulas

Quer capturar tudo o que você vê em seu monitor?

Podemos fazer isso de forma rápida usando o terminal, mas ai você vai dizer, tela preta de jeito nenhum... vamos utilizar uma funcionalidade que o Nautilus nos oferece que é a possibilidade de usarmos o botão direito do mouse em qualquer janela do nautilus e acionar-mos scripts, sem precisar abrir o terminal e digitar um monte de comando.

Claro que para fazer essa configuração você precisa conhecer pelo menos um pouquinho da telinha preta.

Neste tutorial vou ensinar como utilizar o Nautilus + shell + zenity + ffmpeg para capturar tudo e salvar em um arquivo de vídeo, criando um scripts que poderá ser acionado sempre que você precisar dele.

Para conseguir essa proeza, nem preciso dizer que você precisa estar conectado a internet, então basta instalar os seguintes itens, usando o terminal como root:

$ troque para root
$ sudo su + enter
$ digite sua senha + enter
# aptitude install ffmpeg zenity + enter
# aptitude -f install + enter

Espere a instalação terminar e confira para ver se esta tudo ok.

Saia do root, digitando:

# exit + enter

Agora como usuário comum, veja que o seu prompt ficou assim ($), vamos criar o script que será acionado depois pelo nautilus quando precisarmos dele, digite: 

$ gedit /home/suapastadeusuario/.gnome2/nautilus-scripts/nomedoseuscript + enter

explicando:

gedit = editor de textos.
/home/suapastadeusuario/.gnome2/nautilus-scripts/ = caminho completo para onde todos os scripts do nautilus devem ser salvos.
nomedoseuscript = nome que você quiser dar ao seu script, só evite espaços e carcteres especiais.

Pronto com o editor de textos aberto, basta selecionar todo o texto abaixo (em cor laranja) e colar no editor de textos, depois de colar o texto pode salvar e fechar o editor de textos, você será levado de volta ao terminal.

#!/bin/bash
# virmal_divx
# Todo o texto aqui que estiver precedido pelo sinal de (#) não será executado, pois ele é apenas um comentário e/ou informações úteis para que você possa modificar o script.

a1=`zenity --file-selection --confirm-overwrite --save --title="De um nome ao seu arquivo de vídeo"`

xterm -e ffmpeg -f x11grab -s 1440x900 -r 30 -i :0.0 -sameq $a1.avi


## O “-f oss” é que informa que desejamos gravar áudio também, e o “-i /dev/dsp” informa o dispositivo de entrada de áudio.
## O “-f x11grab” informa que desejamos gravar vídeo da tela do servidor gráfixo X11.
## O “-s sxga” equivale a “-s 1280×1024″ que é a resolução do monitor (lcd) do meu pc.
## outra opção é xga que corresponde a 1024x768, leia a documentação do ffmpeg paraver mais opções.
## O “-r 24″ informa que desejamos gravar 24 frames (imagens) por segundo, que é o mínimo para termos a sensação de um filme.
## O “-i :0.0″ informa que desejamos capturar as telas do display “0.0″ do X11.
## Por último consta apenas o diretório e o nome do arquivo final que será gerado.

## sqcif = 128x96
## qcif = 176x144
## cif = 352x288
## 4cif  = 704x576
## qqvga = 160x120
## qvga = 320x240
## vga = 640x480
## svga = 800x600
## xga = 1024x768
## uxga = 1600x1200
## qxga = 2048x1536
## sxga = 1280x1024
## qsxga = 2560x2048
## hsxga = 5120x4096
## wvga = 852x480
## wxga = 1366x768
## wsxga = 1600x1024
## wuxga = 1920x1200
## woxga = 2560x1600
## wqsxga = 3200x2048
## wquxga = 3840x2400
## whsxga = 6400x4096
## whuxga = 7680x4800
## cga = 320x200
## ega = 640x350
## hd480 = 852x480
## hd720 = 1280x720
## hd1080 = 1920x1080
#### COPIE SOMENTE ATÉ AQUI PARA COLAR NO EDITOR DE TEXTOS. 

De volta ao terminal, para alterar proprietários e permissões do arquivo que acabou de criar, digite os comandos abaixo:

$ sudo chown -R seunomedeusuario.seunomedeusuario /home/suapastadeusuario/.gnome2/nautilus-scripts/ + enter
$ digite a senha de administração, se pedir.
$ sudo chmod 777 -R /home/suapastadeusuario/.gnome2/nautilus-scripts/ + enter

Obs.: Usei 777 -R para facilitar a vida de quem esta começando, claro que poderia usar +X, etc...

Acabou a tela preta, para sair digite:

$ exit + enter

ou utilize o botão fechar da janela do terminal.

Agora sempre que quiser capturar sua telas em formato de vídeo para tutoriais, vídeo aulas, etc... basta usar o botão direito do mouse em qualquer janela do Nautilus e escolher a opção "Scripts > nomedoseuscript".



Agora nesta janela informe o local e o nome que deseja dar para o vídeo que será gravado, quando terminar basta apertar o botão "OK" para que a gravação se inicie imediatamente.


Vai aparecer uma telinha do terminal, com um monte de informações, o que importa pra você nessa tela é somente a forma de terminar a gravação, que nada mais é do que apertar a combinação de teclas "CTRL+C", pode minimizar essa telinha do terminal (não feche apenas miniminize) e começar a sua aula, tutorial, etc... depois que acabar de gravar tudo e quiser finalizar a gravação, apenas volte para a telinha que você minimizou do terminal e pressione as teclas que servem para finalizar a gravação que são: "CTRL+C".


Para ver como ficou o seu vídeo basta ir até a pasta onde mandou salvar o mesmo e dar 2 cliques para abrir, assista, se gostou tudo bem, caso contrário pode excluir o arquivo e fazer outra gravação.

0 comentários:

O conteúdo deste blog/site pode e deve ser divulgado, conforme lei a 9.610/98 meus direitos estão assegurados, portanto eu permito a copia e reprodução gratuita, seja total ou parcial, não acarretando qualquer onûs financeiro aos interessados, porém, vedo o uso para fins lucrativos, toda reprodução para o público deve citar a fonte extraída, no caso o Técnico Linux - O Espaço do Software Livre e seja citada junto com um link para a postagem original, onde a referência deve estar numa fonte de tamanho igual ou maior a do texto, obviamente que os links citados não estão sujeitos ao mesmo termo. O conteúdo textual original desta página está disponível sob a licença GNU FDL 1.2.

Todas as marcas citadas pertencem aos seus respectivos proprietários. Os direitos autorais de todas as ilustrações pertencem aos respectivos autores, e elas são reproduzidas na intenção de atender ao disposto no art. 46 da Lei 9.610 - se ainda assim alguma delas infringe direito seu, entre em contato para que possamos removê-la imediatamente ou ainda lhe dar os devidos créditos.

Copyright © 2016 O Espaço do Software Livre