O que há de novo no LibreOffice 3.6?

Pequenas mudanças visuais. Ou seriam grandes?

Além de várias mudanças e novidades de baixo do capô, o LibreOffice 3.6 traz uma nova splash screen, aquela tela que aparece no carregamento do software. A imagem foi selecionada em um concurso e possui um visual esverdeado, como pode ser visto abaixo:

Apesar de não gostar de verde, achei a nova tela inicial bastante agradável aos olhos

Outras partes do software que receberam esse novo tema esverdeado foram as páginas sobre e a página inicial, onde você escolhe se quer escrever um texto, começar uma planilha, criar uma apresentação e etc. Mudanças sutis, mas bem interessantes.

Além das novidades acima, a interface também recebeu pequenas mudanças. As réguas foram redesenhadas e estão com um visual mais limpo e mais leve. Os temas GTK (padrão do Ubuntu) agora são capazes de exibir gradientes no plano de fundo, oferecendo um visual mais consistente com o sistema.

Interface do LibreOffice também recebeu pequenas mudanças (Créditos: iloveubuntu)

Infelizmente os ícones continuam os mesmos, algo que sempre me irritou no LibreOffice. As grandes mudanças visuais que muitos esperavam, ainda não chegaram, mas é interessante notar que a The Document Foundation está trabalhando para corrigir algumas pequenas coisas pelo menos.
Mudanças nos aplicativos da suíte

O Writer, editor de texto do LibreOffice, recebeu poucas melhorias notáveis. Uma mudança interessante é a contagem de palavras, que funciona tanto para o que você está escrevendo quanto para algo que você selecionou. Útil para quem trabalha com SEO por exemplo, visto que pode-se contar quantas palavras seu texto possui.

Outra adição ao editor de texto é o suporte para importação de Smart Arts do Microsoft Office. Ainda sobre o Microsoft Office eLibreOffice, a importação de arquivos .docx agora lida com os campos GetExpression e SetExpression.

Quanto ao Calc, o editor de planilhas da suíte, creio que a novidade mais significativa seja a melhoria no desempenho das tabelas dinâmicas, que devem ficar até 50% mais rápidas do que na versão anterior.

O Impress também recebeu novidades, e agora trás dez novos modelos para apresentações, os quais você pode ver abaixo:

Novos modelos do LibreOffice Impress

No mais, a suíte inteira teve melhorias na rolagem, redesenho e edição interativa de documentos grandes, além de melhorias gerais na performance e inúmeras correções de bugs. A atualização deve estar disponível nos repositórios oficiais do Ubuntu em poucos dias, então fique de olho nas atualizações do sistema.

O que vocês acharam dessa versão? Melhorou um pouco a interface ou foram só mudanças bobas? Como prefiro o Google Docs e não uso muito o LibreOffice, não sei dizer, então quero ler a opinião de vocês. Deixem seus comentários abaixo, por favor! (:

0 comentários:

O conteúdo deste blog/site pode e deve ser divulgado, conforme lei a 9.610/98 meus direitos estão assegurados, portanto eu permito a copia e reprodução gratuita, seja total ou parcial, não acarretando qualquer onûs financeiro aos interessados, porém, vedo o uso para fins lucrativos, toda reprodução para o público deve citar a fonte extraída, no caso o Técnico Linux - O Espaço do Software Livre e seja citada junto com um link para a postagem original, onde a referência deve estar numa fonte de tamanho igual ou maior a do texto, obviamente que os links citados não estão sujeitos ao mesmo termo. O conteúdo textual original desta página está disponível sob a licença GNU FDL 1.2.

Todas as marcas citadas pertencem aos seus respectivos proprietários. Os direitos autorais de todas as ilustrações pertencem aos respectivos autores, e elas são reproduzidas na intenção de atender ao disposto no art. 46 da Lei 9.610 - se ainda assim alguma delas infringe direito seu, entre em contato para que possamos removê-la imediatamente ou ainda lhe dar os devidos créditos.

Copyright © 2016 O Espaço do Software Livre