Google Glass Terá Sistema De Som Transmitido Pelos Ossos


O Google enfim revelou as especificações completas do Google Glass, e com ele uma surpresa ainda inédita no mercado: 

A gigante das buscas usará um sistema de áudio baseado na transdução por condução. Através das hastes dos óculos, o som será transmitido para o ouvido do usuário por meio de microvibrações em determinados ossos de sua cabeça, sem usar nenhum tipo de alto falante.

A divulgação aconteceu nesta segunda feira, com conjunto com a produção das primeiras unidades e a disponibilização de documentação da Mirror API para desenvolvedores. Além da surpresa do áudio, a tela montada a frente do olho do usuário também chamou atenção. Serão 640×360 pixels de resolução que, em proporção, equivaleria a um monitor de 25 polegadas de alta definição colocado a 2,5 metros de distância do espectador.

Junto a isto, os recursos multimídia dos óculos incluem uma câmera de 5 megapixels para fotos, com possibilidade de gravar vídeos em 720p. Já a capacidade de armazenamento total é de 16 GB, dos quais 12 GB serão utilizáveis e sincronizados com o serviço de nuvem da Google. Para se conectar a internet, ele utilizará o padrão 802.11 b/g ou o bluetooth pareado a outros dispositivos.

Segundo o Google, os óculos serão compatíveis com qualquer celular que possua bluetooth, mas seu funcionamento pode variar de acordo com cada aparelho. Os recursos de SMS e GPS, por exemplo, só serão possíveis através do aplicativo “MyGlass Companion”, que requer Android 4.0.3 ou superior.

Para sustentar todos esses recursos, a bateria terá duração de um dia “de uso típico”, segundo o Google. A companhia lembra, nessa especificação, que recursos como Hangouts e gravação de vídeos podem pedir um uso mais intenso da bateria, que será recarregada no cabo MicroUSB.

Fonte e Créditos: aqui

0 comentários:

O conteúdo deste blog/site pode e deve ser divulgado, conforme lei a 9.610/98 meus direitos estão assegurados, portanto eu permito a copia e reprodução gratuita, seja total ou parcial, não acarretando qualquer onûs financeiro aos interessados, porém, vedo o uso para fins lucrativos, toda reprodução para o público deve citar a fonte extraída, no caso o Técnico Linux - O Espaço do Software Livre e seja citada junto com um link para a postagem original, onde a referência deve estar numa fonte de tamanho igual ou maior a do texto, obviamente que os links citados não estão sujeitos ao mesmo termo. O conteúdo textual original desta página está disponível sob a licença GNU FDL 1.2.

Todas as marcas citadas pertencem aos seus respectivos proprietários. Os direitos autorais de todas as ilustrações pertencem aos respectivos autores, e elas são reproduzidas na intenção de atender ao disposto no art. 46 da Lei 9.610 - se ainda assim alguma delas infringe direito seu, entre em contato para que possamos removê-la imediatamente ou ainda lhe dar os devidos créditos.

Copyright © 2016 O Espaço do Software Livre