Compiz no Debian Squeeze - Instalação em notebook Probook 4320s Intel i915


Para os amantes do software livre, aí vai o Tow To do Compiz no Debian Squeeze instalado em notebook Probook 4320s com placa de vídeo Intel i915. 

Para o notebook com placa de vídeo Intel, não é necessário baixar driver no site do fabricante, pois o Debian Squeeze possui um pacote com o driver (xserver-xorg-video-intel) e funciona muito bem! 

Minha observação: Este tutorial foi testado no UBUNTU 13.04 e funciona corretamente como descrito.

Verificando o drive de vídeo:

# lspci |grep -i VGA + enter

00:02.0 VGA compatible controller: Intel Corporation Core Processor Integrated Graphics Controller (rev 02)
O driver para essa placa é: Intel Corporation Core Processor Integrated Graphics Controller i915 


1º Passo - Verificar se o pacote está disponível:

# aptitude search intel + enter

Deve retornar:
p firmware-intelwimax - Binary firmware for Intel WiMAX Connection 
p intel-gpu-tools - tools for debugging the Intel graphics drive 
p intel-microcode - Processor microcode data file for Intel CPUs 
v intel-rng-tools - 
p intel2gas - A converter from NASM assembly language to G 
p inteltool - Dump Intel CPU / chipset configuration param 
i A libdrm-intel1 - Userspace interface to intel-specific kernel 
p libdrm-intel1-dbg - Userspace interface to intel-specific kernel 
i A xserver-xorg-video-intel - X.Org X server -- Intel i8xx, i9xx display d 
p xserver-xorg-video-intel-dbg - X.Org X server -- Intel i8xx, i9xx display d 


2º Passo - Verificar se o pacote está instalado:

# dpkg -l A xserver-xorg-video-intel
Desired=Unknown/Install/Remove/Purge/Hold 
| Status=Not/Inst/Conf-files/Unpacked/halF-conf/Half-inst/trig-aWait/Trig-pend |/ Err?=(none)/Reinst-required (Status,Err: uppercase=bad) 
||/ Nome Versão Descrição 
+++-==============-==============-============================================ ii xserver-xorg-v 2:2.13.0-6 X.Org X server -- Intel i8xx, i9xx display d 

Nenhum pacote encontrado casando com A. 

Como o pacote está disponível e instalado, agora é só configurar. Vamos para o modo texto (shell).


3º Passo - Parando o serviço:

# /etc/init.d/gdm3 stop 
+ enter

Meu acréscimo para UBUNTU
# CTRL + ALT + F1
# service lightdm stop + enter ou # /etc/init.d/lightdm stop
 + enter


4º Passo - Gerando o arquivo (xorg.conf.new):

# X -configure 
+ enter


5º Passo - Copiando o arquivo "xorg.conf.new" para o /etc/X11:

# cp /root/xorg.conf.new /etc/X11/xorg.conf
 + enter

Obs.: o arquivo tem que ser copiado e ficar com o nome de "xorg.conf". 


6º Passo - Verificando o driver (xorg.conf):

# cat /etc/X11/xorg.conf + enter

Section "ServerLayout"
    Identifier     "X.org Configured"
    Screen      0  "Screen0" 0 0
    InputDevice    "Mouse0" "CorePointer"
    InputDevice    "Keyboard0" "CoreKeyboard"
EndSection

Section "Files"
    ModulePath   "/usr/lib/xorg/modules"
    FontPath     "/usr/share/fonts/X11/misc"
    FontPath     "/usr/share/fonts/X11/cyrillic"
    FontPath     "/usr/share/fonts/X11/100dpi/:unscaled"
    FontPath     "/usr/share/fonts/X11/75dpi/:unscaled"
    FontPath     "/usr/share/fonts/X11/Type1"
    FontPath     "/usr/share/fonts/X11/100dpi"
    FontPath     "/usr/share/fonts/X11/75dpi"
    FontPath     "/var/lib/defoma/x-ttcidfont-conf.d/dirs/TrueType"
    FontPath     "built-ins"
EndSection

Section "Module"
    Load  "record"
    Load  "dri"
    Load  "dbe"
    Load  "glx"
    Load  "extmod"
    Load  "dri2"
EndSection

Section "InputDevice"
    Identifier  "Keyboard0"
    Driver      "kbd"
EndSection

Section "InputDevice"
    Identifier  "Mouse0"
    Driver      "mouse"
    Option      "Protocol" "auto"
    Option      "Device" "/dev/input/mice"
    Option      "ZAxisMapping" "4 5 6 7"
EndSection

Section "Monitor"
    Identifier   "Monitor0"
    VendorName   "Monitor Vendor"
    ModelName    "Monitor Model"
EndSection

Section "Device"
        ### Available Driver options are:-
        ### Values: <i>: integer, <f>: float, <bool>: "True"/"False",
        ### <string>: "String", <freq>: "<f> Hz/kHz/MHz"
        ### [arg]: arg optional
        #Option     "AccelMethod"           # [<str>]
        #Option     "DRI"                   # [<bool>]
        #Option     "ColorKey"              # <i>
        #Option     "VideoKey"              # <i>
        #Option     "FallbackDebug"         # [<bool>]
        #Option     "Tiling"                # [<bool>]
        #Option     "Shadow"                # [<bool>]
        #Option     "SwapbuffersWait"       # [<bool>]
        #Option     "XvMC"                  # [<bool>]
        #Option     "XvPreferOverlay"       # [<bool>]
        #Option     "DebugFlushBatches"     # [<bool>]
        #Option     "DebugFlushCaches"      # [<bool>]
        #Option     "DebugWait"             # [<bool>]
    Identifier  "Card0"
    Driver      "intel"
    VendorName  "Intel Corporation"
    BoardName   "Core Processor Integrated Graphics Controller"
    BusID       "PCI:0:2:0"
EndSection

Section "Screen"
    Identifier "Screen0"
    Device     "Card0"
    Monitor    "Monitor0"
    SubSection "Display"
        Viewport   0 0
        Depth     1
    EndSubSection
    SubSection "Display"
        Viewport   0 0
        Depth     4
    EndSubSection
    SubSection "Display"
        Viewport   0 0
        Depth     8
    EndSubSection
    SubSection "Display"
        Viewport   0 0
        Depth     15
    EndSubSection
    SubSection "Display"
        Viewport   0 0
        Depth     16
    EndSubSection
    SubSection "Display"
        Viewport   0 0
        Depth     24
    EndSubSection
EndSection

Obs.: veja que na opção acima, em "Device", ele já mostra o driver de vídeo Intel!


7º Passo - Reiniciamos a máquina para carregar as configurações:

# shutdown -r now
 + enter


8º Passo - Testando o 3D da placa de vídeo:

# aptitude search mesa-utils
 + enter
# glxgears
 + enter
# glxinfo | grep render
 + enter

O primeiro comando mostrará uma engrenagem em 3D funcionando e o segundo se estiver tudo correto, deverá aparecer a mensagem: 

direct rendering: Yes

9º Passo - Instalando os pacotes do Compiz:

# aptitude install cairo-dock-compiz-icon-plugin compiz compiz-core compiz-fusion-bcop compiz-fusion-plugins-extra compiz-fusion-plugins-main compiz-fusion-plugins-unsupported compiz-gnome compiz-gtk compiz-plugins compizconfig-backend-gconf compizconfig-settings-manager libcompizconfig0 python-compizconfig fusion-icon libdecoration0 -y + enter 


10º Passo - Abra o "Gerenciador de configurações do CompizConfig" (CCSM). 

Em "Efeitos", habilite a opção "Decoração de janelas", para não sumir nas janelas as opções de maximizar, minimizar e fechar. 


11º Passo - Por último, configuramos o Compiz para funcionar ao iniciar:
Meu acréscimo para UBUNTU
Este passo pode ser dispensado no UBUNTU 13.04, basta trocar de sessão se for o caso.

Basta, apenas, que vá em: Sistema → Preferências → Aplicativos de sessão → Adicionar

Coloque o seguinte:
Nome: Compiz Fusion Icon
Comando: fusion-icon
Comentários: A seu gosto
12º Passo - Reinicie a máquina para carregar o Fusion Icon:

# shutdown -r now
 + enter


Fonte e Créditos: aqui

0 comentários:

O conteúdo deste blog/site pode e deve ser divulgado, conforme lei a 9.610/98 meus direitos estão assegurados, portanto eu permito a copia e reprodução gratuita, seja total ou parcial, não acarretando qualquer onûs financeiro aos interessados, porém, vedo o uso para fins lucrativos, toda reprodução para o público deve citar a fonte extraída, no caso o Técnico Linux - O Espaço do Software Livre e seja citada junto com um link para a postagem original, onde a referência deve estar numa fonte de tamanho igual ou maior a do texto, obviamente que os links citados não estão sujeitos ao mesmo termo. O conteúdo textual original desta página está disponível sob a licença GNU FDL 1.2.

Todas as marcas citadas pertencem aos seus respectivos proprietários. Os direitos autorais de todas as ilustrações pertencem aos respectivos autores, e elas são reproduzidas na intenção de atender ao disposto no art. 46 da Lei 9.610 - se ainda assim alguma delas infringe direito seu, entre em contato para que possamos removê-la imediatamente ou ainda lhe dar os devidos créditos.

Copyright © 2016 O Espaço do Software Livre