Instale os drivers de vídeo da Intel para deixar o Linux Mint com melhor desempenho



Para quem não sabe a Intel desenvolveu um instalador de drivers gráficos para Ubuntu e Fedora para as versões do sistemas que usarem o servidor gráfico X.org e o Wayland futuramente já que em relação ao Mir a Intel deu para trás.

Drivers da Intel no Linux Mint
 
O Linux Mint por ser baseado no Ubuntu deveria ser, teoricamente, suportado pelo instalador mas quem já tentou este método para instalar os drivers viu a seguinte imagem.



Mesmo a versão do Mint sendo baseada na versão do Ubuntu compatível com o driver você vê essa imagem aí dizendo que a distribuição não é suportada, bom, agora é que vem o nossa lado hacker de ser.

Tutorial de instalação do Intel Graphics Installer no Linux Mint
 
Para simplificar vamos ajudar você a instalar o Intel Graphics Installer adicionando também as chaves de repositórios para que quando você faça update o sistema não acuse a falta de Keys.
 
Para instalar abra o terminal e cole os seguintes comandos:


$ echo "deb https://download.01.org/gfx/ubuntu/13.04/main Ubuntu 13.04 #Intel Graphics drivers" | sudo tee /etc/apt/sources.list.d/intellinuxgraphics.list + enter
 
Agora vamos importar as chaves e instalar:

$ wget --no-check-certificate https://download.01.org/gfx/RPM-GPG-KEY-ilg -O - | sudo apt-key add -
+ enter
$ wget --no-check-certificate https://download.01.org/gfx/RPM-GPG-KEY-ilg-2 -O - | sudo apt-key add -
+ enter
$ sudo apt-get update
+ enter
$ sudo apt-get install intel-linux-graphics-installer
+ enter

Pronto, com isso deve estar tudo instalado e funcionando, se você preferir pode baixar o pacote deb também do site mas não esqueça de instalar as chaves.

Agora é que vem o "pulo do gato", se você executar o instalador de drivers da Intel assim no Linux Mint ele dará aquele erro de Distribuição não suportada da imagem lá em cima, para que isso não aconteça nos vamos editar um arquivo responsável pela "Identidade do sistema" para fazermos o programa pensar que está instalando os drivers no Ubuntu.
 
Primeiro vamos fazer uma backup do arquivo caso algo dê errado é só você restaurar ele:
 
$ sudo cp /etc/lsb-release /etc/lsb-release.bak
+ enter
 
Agora vamos editar o arquivo:

$ sudo gedit /etc/lsb-release
+ enter
 
Deixe ele com essa configuração:

DISTRIB_ID=Ubuntu
DISTRIB_RELEASE=13.04
DISTRIB_CODENAME=raring
DISTRIB_DESCRIPTION=”Linux Mint 15 Olivia”



Lembrando que isso deve funcionar para outras versões do Linux Mint também ou outra distro que enfrente o mesmo problema, mas colocar as informações corretas da release do Ubuntu e tudo dará certo. Salve o arquivo e abra o Intel Graphics Installer.



Agora tudo deve ocorrer normalmente como no Ubuntu, instale os drivers e reinicie a máquina e desfrute do seu poder gráfico. =)

Caso algo dê errado por conta da alteração daquele arquivo coloque tudo em ordem novamente assim:

$ sudo rm /etc/lsb-release
+ enter
$ sudo mv /etc/lsb-release.bak /etc/lsb-release 
+ enter
$ reboot
+ enter

Fonte e Créditos: aqui

0 comentários:

O conteúdo deste blog/site pode e deve ser divulgado, conforme lei a 9.610/98 meus direitos estão assegurados, portanto eu permito a copia e reprodução gratuita, seja total ou parcial, não acarretando qualquer onûs financeiro aos interessados, porém, vedo o uso para fins lucrativos, toda reprodução para o público deve citar a fonte extraída, no caso o Técnico Linux - O Espaço do Software Livre e seja citada junto com um link para a postagem original, onde a referência deve estar numa fonte de tamanho igual ou maior a do texto, obviamente que os links citados não estão sujeitos ao mesmo termo. O conteúdo textual original desta página está disponível sob a licença GNU FDL 1.2.

Todas as marcas citadas pertencem aos seus respectivos proprietários. Os direitos autorais de todas as ilustrações pertencem aos respectivos autores, e elas são reproduzidas na intenção de atender ao disposto no art. 46 da Lei 9.610 - se ainda assim alguma delas infringe direito seu, entre em contato para que possamos removê-la imediatamente ou ainda lhe dar os devidos créditos.

Copyright © 2016 O Espaço do Software Livre